Como a imaginação não tem limites neste blog podem ver desde receitas, artesanato a uma panóplia de coisas

22
Set 10

No Largo V. Damásio nº 3 A (Santos) existe um restaurante italiano, cuja comida não posso deixar de mencionar. Gosto muito de comida italiana, conheço bem a comida do Norte deste país devido aos nosso amigos italianos (que são excelentes cozinheiros) por isso sei que não é fácil confeccionar os molhos, as pastas, etc. Não sei porque é qualquer pessoa acha que pode elaborar uma boa piza ou um bom spagheti à carbonara. Por isso é que proliferam na capital os maus restaurantes italianos (também temos uns muito bons, basta irem à Rua de S. Bento, ao Chiado e a Santa Apolónia. Não se admirem de não mencionar Santa Marta. A razão é simples: a qualidade não corresponde ao preço. Não é aceitável comer uma massa com mariscos, completamente desfeitos ou as sobremesas serem de compra e de má qualidade).

Mas sem dúvida que as experiências gastrónicas em Santos são das piores que já tive. Pedimos uma sopa de tomate para a E. Á primeira colher desatou aos berros, à segunda vomitou. E porquê? porque a sopa era de pacote, cheia de corantes e com um sabor horrível. As crianças de 2 anos já têm paladar!!! O meu espargete à carbonara vinha com uma carne não identificável e com um sabor bastante semelhante ao da sopa da E. Os escalopes do maridinho também estavam sem sabor. Nem sequer arriscámos experimentar uma sobremesa.

O espaço é bonito, com umas cadeiras em veludo a contrastar com as toalhas em xadrez. O atendimento é correcto mas a comida é péssima.

Ai que saudades da comidinha da prima Guya, do Goffredo e do Riccardo (que fez de raíz a melhor massa que já comi na minha vida).

publicado por Susana às 11:02

Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
15
17
18

19
20
21
23
24
25

26
27
28
29
30


facebook
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO