Como a imaginação não tem limites neste blog podem ver desde receitas, artesanato a uma panóplia de coisas

13
Fev 13

 

Apesar de ter uns dentes fortes as minhas gengivas padecem de Periodontite. Como os meu dentes estão tortos são difíceis de lavar, mesmo usando fio dental. Depois de falar com a minha prima que é dentista e de ter feito muita pesquisa resolvi arriscar e fazer a minha própria pasta de dentes com argila, óleo de coco e xilitol. 

 

O óleo de coco, um antibiótico natural, pode atacar as bactérias que causam a deterioração dos dentes, segundo algumas investigações levadas a cabo em algumas universidades.

 

A argila verde - É composta principalmente por silicatos de alumínio hidratados, no entanto, podem ainda encontrar-se nas argilas diversos oligoelementos como o titânio, magnésio, cobre, zinco, alumínio, cálcio, potássio, níquel, manganês, lítio, sódio e ferro. A estrutura molecular da argila confere-lhe um grande poder de absorção, tendo a capacidade de extrair toxinas e substâncias nocivas do organismo produzindo efeitos anti-sépticos e antimicrobianos. A elevada percentagem de sílica e alumínio explica as suas propriedades cicatrizantes e anti-inflamatórias.

 

O Xilitol é um adoçante natural. Sua propriedade microbiológica o torna valioso como parte integrante de um programa de higiene oral.

O XILITOL é o único entre os demais adoçantes substitutos do açúcar que realmente inibe sozinho o crescimento de Streptococcus mutans, com isto reduzindo a susceptibilidade à cárie. Além disso, o uso contínuo de xilitol ajudará a selecção de formas menos virulentas e resultará em uma microflora oral menos agressiva.

 

Há um mês que estou a usar unicamente esta pasta de dentes. Escovo os dentes com uma escova macia para evitar o efeito abrasivo desta pasta. O resultado: adoro o sabor e sinto os dentes ficam muito limpos. Mas o que me deixa mais satisfeita é que já não tenho bolsa de ar nas gengivas inferiores e neste momento elas estão bem coladas aos dentes. Também acho que tenho os dentes mais claros.

A prova dos nove vai ser tirada quando for ao dentista, dentro de duas semanas. Não lhe vou dizer nada sobre esta pasta e logo vejo o que ele diz do estado dos meus dentes e gengivas.

 

publicado por Susana às 11:25

11 comentários:
Gostei desta receita! Os bons resultados continuam? Quais as proporções dos ingredientes e onde comprar xilitol? Também gostei da do protector solar :) uma alternativa muito mais saudável! :)
Deborah a 7 de Abril de 2013 às 15:22

Deborah : continuo muito, muito satisfeita, assim como a minha filha de 5 anos. Só mudei um pouco a receita: em vez da argila cinza passei a usar argila branca (ainda é mais suave) e coloco um pouco de água quente para ficar mais cremoso. O xilitol compra-se em qualquer Celeiro em Lisboa ou pela NET . Mas é opcional. Claro que as crianças gostam mais da pasta doce mas na minha não ponho o xilitol pois gosto muito do sabor a menta e a coco.
Também estou muito satisfeita com o creme com protecção solar. Vamos ver como se porta quando chegar o calor. Se tiver mais alguma questão disponha. Abraço. Susana

Esqueci-me de lhe enviar as quantidades: • 1 colher de sopa de argila; 3 colheres sobremesa; 3a 5 colheres de óleo de coco (a quantidade depende da consistência pretendida) e um pouco de água quente; 3 gotas de óleo essencial de menta (hortelâ pimenta)...misturar tudo muito bem.
Susana a 7 de Abril de 2013 às 18:59

Que bom! :) Obrigado! Acho q vou experimentar fazer a pasta :)
Deborah a 7 de Abril de 2013 às 20:19

Depois de experimentar conte-me os seus resultados!!!

Olá! Experimentei fazer uma vez, com argila verde e óleo de coco e um pouco de água. A mistura não ficou ainda com a consistência certa, seca rapidamente, mas vou fazer outras. Gostei do sabor e realmente é bom para as gengivas (penso q seja porque a argila seca os sangramentos), o único inconveniente é q salpico tudo com argila eheheh, lavatório, espelho, roupa... mas vou repetir sim :)

Olá Débora. Eu prefiro fazer a pasta com argila branca (é mais fina e não deixa as nossas escovas escuras). Para não ficar dura é acrescentar um pouco de água mineral, quente e aloé vera em gel. A minha pasta nunca seca mas é verdade que eu prefiro fazer pouca quantidade. Tem toda a razão a pasta suja tudo e na minha casa de banho nota-se bastante pois o lavatório é de metal e a bancada de vidro. :-) Mas eu tenho o cuidado de antes de sair de casa vaporizar no lavatório uma mistura feita por mim (1 parte de vinagre branco e duas partes de água com 4 gotas de óleo essencial de lavanda). Depois passo uma pano macio. Fica super brilhante....
Susana a 11 de Junho de 2013 às 11:19

Bom dia,
Que argila verde usaste? Tenho a argila verde superfina da Cattier mas refere "uso externo" na embalagem, pelo que estou com algumas duvidas se será segura de usar como pasta de dentes (ainda que eles refiram que é apropriada para fazer água de argila, desde que não se ingira a argila)
Obrigada!
beatriz a 16 de Dezembro de 2015 às 12:36

Eu sou fã da argila cinzenta há mais de 30 anos utilizando-a na pele e no cabelo demasiado oleoso. Apesar de todos os pacotes de argila dizerem "uso externo" ela pode ser engolida e usada na boca, apresentando vários benefícios. Se não se sente segura evite ingerir a argila, cuspindo-a depois de lavar os dentes. Mas desde que a loja do Celeiro abriu que uso a argila cinzenta deles, que vou alternando com a argila branca da Cattier (que é uma excelente marca). A argila cinzenta tem o problema de deixar as escovas de dentes escuras o que exige andar sempre a lavá-las. E para quem não gosta do sabor a terra a argila branca é uma óptima opção.
Susana a 16 de Dezembro de 2015 às 14:47

Olá :)
Muito interessante!
Gostaria de saber se a periodontite ficou melhor com a utilização desta pasta, porque estou com o mesmo problema.
O xilitol para a pasta é líquido ou granulado (como o açúcar)?
Fico a aguardar.
Grata
Patricia a 21 de Dezembro de 2015 às 12:03

Bom dia Patrícia: a minha periodontite melhorou bastante apesar de eu usar aparelho (quando a aparelho é apertado ela piora). Ao uso da pasta deve ser acrescentado uma visita periódica ao dentista e uma alimentação cuidada (os açucares são totalmente proibidos).
O Xilitol utilizado é granulado mas nem sempre o uso, por vezes substituo por Stevia (ainda mais cara). A maior parte das vezes não uso qualquer adoçante porque gosto muito do sabor natural da argila e da menta. É uma questão de experimentar para ver o que é mais eficaz para si já que os resultados dependem muito de pessoa para pessoa e da alimentação que se faz.
Susana a 24 de Dezembro de 2015 às 09:05

Fevereiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15

19
20
21
22
23

24
26
27
28


facebook
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO